• Mantenha rotinas consistentes.
  • Quando a criança sabe o que vem a seguir é menos provável que adote comportamentos de resistência;
  • Prepare a criança para as transições das atividades, fornecendo indicações/informações do que irá acontecer;
  • Estabeleça regras simples e consistentes.
  • Se a criança souber o que é correto ou não, o que pode ou não fazer resistirá menos quando lembrada;
  • Dê atenção à criança quando está a portar-se bem (“Muito bem”, “Vieste para o banho quando te pedi, assim podemos brincar um bocadinho na banheira”);
  • Planeie atividades para tempos difíceis/mais ocupados. (Quando os pais estão ocupados a tratar do jantar, pedir ajuda à criança pode ser uma boa estratégia!

Comunique num tom assertivo e pausadamente para que os seus filhos consigam ouvir as suas palavras e não somente a sua voz!

info-7
  • Mantenha rotinas consistentes.
  • Quando a criança sabe o que vem a seguir é menos provável que adote comportamentos de resistência;
  • Prepare a criança para as transições das atividades, fornecendo indicações/informações do que irá acontecer;
  • Estabeleça regras simples e consistentes.
  • Se a criança souber o que é correto ou não, o que pode ou não fazer resistirá menos quando lembrada;
  • Dê atenção à criança quando está a portar-se bem (“Muito bem”, “Vieste para o banho quando te pedi, assim podemos brincar um bocadinho na banheira”);
  • Planeie atividades para tempos difíceis/mais ocupados. (Quando os pais estão ocupados a tratar do jantar, pedir ajuda à criança pode ser uma boa estratégia!

Comunique num tom assertivo e pausadamente para que os seus filhos consigam ouvir as suas palavras e não somente a sua voz!

info-7

Leave A Comment