A principal função da Avaliação Psicológica consiste em diagnosticar e compreender os sintomas e as queixas da criança ou do adolescente. Através da integração em diferentes contextos e do relacionamento interpessoal, pais e/ou professores identificam dificuldades que necessitam de ser avaliadas.

Trata-se de uma análise mais detalhada do desenvolvimento e funcionamento psicológico, emocional e cognitivo da criança ou do adolescente, que por vezes se torna fulcral na prevenção de situações/problemas futuros, uma vez que permite conhecer e compreender o funcionamento global da criança/adolescente.

Face à sua importância, deve ser um processo rigoroso, baseado na ética e no profissionalismo. Para tal, são utilizadas diferentes técnicas e métodos de avaliação, como a entrevista inicial (para recolha de informação junto dos progenitores), observação direta, instrumentos de avaliação cognitiva, neuropsicológica e pedagógica.

É um processo que deve ser conduzido, exclusivamente, por Psicólogos, uma vez que são os profissionais competente para identificar, analisar, compreender e definir estratégias/sugestões para intervir nas áreas ou nos problemas identificados.

Importa salientar que a Avaliação Psicológica, permite ainda despistar outras áreas que necessitam de intervenção (Terapia da Fala, Psicomotricidade, Terapia Ocupacional, etc.), tornando-a um processo multidisciplinar e completo.

A principal função da Avaliação Psicológica consiste em diagnosticar e compreender os sintomas e as queixas da criança ou do adolescente. Através da integração em diferentes contextos e do relacionamento interpessoal, pais e/ou professores identificam dificuldades que necessitam de ser avaliadas.

Trata-se de uma análise mais detalhada do desenvolvimento e funcionamento psicológico, emocional e cognitivo da criança ou do adolescente, que por vezes se torna fulcral na prevenção de situações/problemas futuros, uma vez que permite conhecer e compreender o funcionamento global da criança/adolescente.

Face à sua importância, deve ser um processo rigoroso, baseado na ética e no profissionalismo. Para tal, são utilizadas diferentes técnicas e métodos de avaliação, como a entrevista inicial (para recolha de informação junto dos progenitores), observação direta, instrumentos de avaliação cognitiva, neuropsicológica e pedagógica.

É um processo que deve ser conduzido, exclusivamente, por Psicólogos, uma vez que são os profissionais competente para identificar, analisar, compreender e definir estratégias/sugestões para intervir nas áreas ou nos problemas identificados.

Importa salientar que a Avaliação Psicológica, permite ainda despistar outras áreas que necessitam de intervenção (Terapia da Fala, Psicomotricidade, Terapia Ocupacional, etc.), tornando-a um processo multidisciplinar e completo.

Leave A Comment