Já ouviu falar de Burnout?

O Burnout é um termo usado para designar um tipo específico de stress ocupacional, isto é, um tipo de stress provocado pelo trabalho.

Não se trata de um tipo de cansaço comum após uma semana intensa de trabalho… trata-se de um esgotamento físico e mental associado a uma vida profissional desgastante e sobrecarregada, incapacitando o indivíduo de desempenhar as tarefas do seu quotidiano profissional, pessoal e social.

A expressão – Burnout – significa “queimar até ao fim” e associa-se a uma resposta complexa ao stress profissional prolongado ou crónico.

Mas afinal, a que sinais deveremos nós estar atentos?

  • Exaustão emocional
  • Menor realização profissional e menor dedicação
  • Desmotivação
  • Sintomas físicos (fadiga, alterações no padrão de sono, enxaquecas…)
  • Insatisfação com o presente e com a vida em geral
  • Impacto nas relações sociais e familiares

O Burnout tem impacto significativo no funcionamento do indivíduo e no ambiente profissional (as suas consequências repercutem-se ao nível da produtividade e na relação com os colegas).

Agora que está um pouco mais esclarecido sobre o tema, reflita:

  • Quantas pessoas conhece que poderão estar numa situação semelhante?
  • Em que sentem pressão excessiva das chefias?
  • Carga horária excessiva?
  • Sem vontade de trabalhar e por isso faltam com regularidade?

O trabalho ocupa a maior parte dos nossos dias, por isso torna-se ainda mais importante saber gerir a ansiedade e o stress que dele advêm!

O Psicólogo pode ajudar! Procure ajuda e traga à sua vida e ao seu dia-a-dia sentimentos de bem-estar e maiores níveis de satisfação!

Vanessa Jerónimo – Psicóloga Clínica

Já ouviu falar de Burnout?

O Burnout é um termo usado para designar um tipo específico de stress ocupacional, isto é, um tipo de stress provocado pelo trabalho.

Não se trata de um tipo de cansaço comum após uma semana intensa de trabalho… trata-se de um esgotamento físico e mental associado a uma vida profissional desgastante e sobrecarregada, incapacitando o indivíduo de desempenhar as tarefas do seu quotidiano profissional, pessoal e social.

A expressão – Burnout – significa “queimar até ao fim” e associa-se a uma resposta complexa ao stress profissional prolongado ou crónico.

Mas afinal, a que sinais deveremos nós estar atentos?

  • Exaustão emocional
  • Menor realização profissional e menor dedicação
  • Desmotivação
  • Sintomas físicos (fadiga, alterações no padrão de sono, enxaquecas…)
  • Insatisfação com o presente e com a vida em geral
  • Impacto nas relações sociais e familiares

O Burnout tem impacto significativo no funcionamento do indivíduo e no ambiente profissional (as suas consequências repercutem-se ao nível da produtividade e na relação com os colegas).

Agora que está um pouco mais esclarecido sobre o tema, reflita:

  • Quantas pessoas conhece que poderão estar numa situação semelhante?
  • Em que sentem pressão excessiva das chefias?
  • Carga horária excessiva?
  • Sem vontade de trabalhar e por isso faltam com regularidade?

O trabalho ocupa a maior parte dos nossos dias, por isso torna-se ainda mais importante saber gerir a ansiedade e o stress que dele advêm!

O Psicólogo pode ajudar! Procure ajuda e traga à sua vida e ao seu dia-a-dia sentimentos de bem-estar e maiores níveis de satisfação!

Vanessa Jerónimo – Psicóloga Clínica

Leave A Comment